sexta-feira, 23 de março de 2018

Projeto - Casa de Campo

Esta casa de campo tornou-se uma bela residência em Belo Horizonte

Nicole Nunes – homify Nicole Nunes – homify
Hoje nós vamos conhecer um projeto que transformou uma casa de campo em uma bela residência! Anteriormente, a casa era dividida em duas partes através da sala, que era ponto de encontro aos finais de semana. No entanto, por conta desta estrutura, os quartos e demais ambientes da casa eram relativamente pequenos e não possuíam uma setorização bem definida.
área de serviço, por exemplo, era distante da casa e a cozinha era comum às duas. Portanto, o principal desafio do projeto foi transformar duas casas em uma,  levando em consideração aspectos práticos para conformar ambientes aconchegantes, para um casal jovem com dois filhos morarem.
Desta forma, os ambientes sociais foram integrados para trazer mais amplitude, segundo uma intervenção simples, sem causar muitas demolições. Vamos conferir como ficou?
Como vemos a partir de sua fachada principal, trata-se de uma casa de arquitetura tradicional, na qual o tijolo utilizado para a construção foi deixado completamente aparente.
O projeto arquitetônico preocupou-se em manter um visual mais despojado e jovem para a casa, portanto o volume da caixa d'água, que vemos ao fundo, foi revestido em porcelanato amadeirado. Tal material também foi utilizado para revestir o barrado da casa, criando um contraste com o tijolo. Ainda, a intervenção arquitetônica aproveitou para ampliar o telhado da garagem, oferecendo mais espaço para os carros.
Ainda na área externa, há um espaço de convivência confortável e atraente. A varanda coberta conta com uma mesa de jantar ampla, conformando um ambiente ideal para receber os amigos e organizar pequenos eventos. Neste espaço, o mobiliário cumpre uma função importante ao trazer um toque moderno, principalmente com a presença do azul vibrante.

Ambientes integrados

A sala de jantar, estar e cozinha estão completamente integradas, no entanto há uma parede que separa parcialmente a sala de estar. Desta forma, o ambiente ganha mais privacidade. A paleta de cores engloba tons cálidos e cremosos, conferindo uma atmosfera tão aconchegante quanto elegante. E para trazer mais vida ao ambiente, toques de vermelho entram pontualmente nos elementos decorativos.
O espaço que existia na segunda casa foi dividido para dar lugar a cozinha e ao jantar, ambientes integrados com uma conexão direta, tanto física quanto visual. Aqui, a madeira traz um toque cálido que é importante para conformar a atmosfera desejada, um espaço acolhedor e cheio de conforto. A mesa quadrada adapta-se bem ao layout da sala de jantar e oferece espaço para até oito pessoas.
Uma bancada alta divide de forma sútil a sala de jantar da cozinha, oferecendo espaço para refeições rápidas, como o café da manhã. Assim como vimos do lado de fora, o porcelanato amadeirado foi utilizado para revestir a parede da bancada e o pilar, o que traz novamente o toque aconchegante da madeira.

Do outro lado…

Do outro lado, a bancada é mais baixa, servindo como área de trabalho para a cozinha.
Agora, a partir deste ângulo, temos uma visão geral da cozinha e podemos observar melhor como acontece a bancada em granito escuro, construída segundo um layout L para trazer mais praticidade ao ambiente. Visualmente, o tom do granito quebra com o branco dos revestimentos, conferindo elegância através do contraste de cores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário